Comunidade
G4-SO1

Ao completar sete anos de operação, em 2014, a Portonave consolidou o engajamento comunitário como marca importante de sua cultura organizacional. Valor essencial à conduta da Companhia, a responsabilidade social leva à interação contínua com a população de Navegantes e região, a fim de reforçar iniciativas focadas no desenvolvimento local sustentável.

Essa interação se dá por meio do Portonave de Todos, programa que abrange ações nas áreas de cultura, educação, saúde e esporte. Em 2014 a Companhia destinou cerca de R$ 1 milhão ao desenvolvimento de projetos nessas áreas. Desse valor, 70% é proveniente de incentivos fiscais, mecanismos que garantem que os recursos de impostos arrecadados em função das atividades da Portonave sejam aplicados em benefício da comunidade local.

 

Em 2014, além dos investimentos realizados via incentivos fiscais, a Portonave aplicou aproximadamente
R$ 296,8 mil em doações, patrocínios e apoio a ações comunitárias. Conheça a seguir os principais projetos de responsabilidade social desenvolvidos pela Companhia.

 

Contém Cultura

Desenvolvido em parceria com o Instituto Caracol, o projeto Contém Cultura completou dois anos em 2014. Nesse período, o contêiner transformado em espaço multicultural recebeu cerca de 2,5 mil visitantes. A biblioteca com mais de 300 livros e a sala de vídeo com 50 títulos dividem a atenção com outras atividades voltadas à busca por conhecimento e ao lazer.

 

Desde que o projeto foi criado, o contêiner do Contém Cultura passou por diferentes bairros de Navegantes e levou suas atrações também para outras regiões de Santa Catarina. Além da versão itinerante, o projeto inclui, desde 2013, um espaço fixo no centro de Navegantes, onde uma equipe multidisciplinar oferece diversas atividades culturais, como aulas e oficinas gratuitas de dança, canto e produção de texto. Somente em 2014, 234 alunos participaram dessas atividades.

 

Ao final do ano, o investimento da Portonave no projeto totalizava R$ 315 mil, composto por recursos da Lei Rouanet de Incentivo à Cultura e também recursos próprios.

 

Projeto Onda

Crianças de 7 a 10 anos que estudam em escolas públicas de Navegantes formam o público-alvo do projeto Onda, desenvolvido desde 2013 pela Portonave para cultivar valores fundamentais ao exercício da cidadania. Ao todo, 515 crianças participaram das aulas, realizadas semanalmente, nas quais foram abordados temas variados, como a importância da família, dos estudos e do respeito às pessoas e ao meio ambiente.

 

Após participarem de todas as aulas do projeto, que duram cerca de quatro meses, as crianças recebem o título de “Oficiais do Bem” e se comprometem a transmitir as lições aprendidas para outras crianças.

 

Esporte

Um dos eventos esportivos mais tradicionais da região, a Corrida Rústica Portonave chegou à sexta edição em 2014. Realizada no dia 2 de fevereiro e aberta à comunidade, a prova bateu recorde de inscrições, reunindo cerca de 700 atletas – divididos entre as categorias cinco e dez quilômetros. Além do momento dedicado à saúde e ao bem-estar, a Corrida Rústica gera benefícios para instituições que atendem crianças em Navegantes, pois arrecada leite em pó como parte da inscrição dos atletas. Em 2014, as doações também alcançaram o recorde: 689 latas de leite foram distribuídas para creches e abrigos da cidade.

 

Ainda em 2014, a Portonave investiu no projeto “Rumo a 2016”, da Associação Comunidade do Atletismo (ACA), via Lei Federal de Incentivo ao Esporte. A iniciativa oferece atividades esportivas gratuitas a jovens e adultos de Itajaí, Navegantes e Penha.

 

    Hábito saudável
    Alguns dos atletas que participam da Corrida Rústica são bastante próximos à Portonave, que desde 2010 mantém uma equipe de corrida formada por colaboradores. Em 2014, cerca de 40 atletas integravam esse grupo. Além de treinamento específico, orientado por um profissional de Educação Física, eles recebem patrocínio para participar de competições.
    CONTINUE LENDO | +

Saúde

Em complemento às ações preventivas realizadas junto a diferentes públicos, como campanhas de vacinação e conscientização, a Portonave investe na melhoria do atendimento hospitalar oferecido à população. Por meio do Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica (Pronon), a Companhia apoiou, com R$ 151 mil, o Centro Oncológico Pediátrico Pequeno Príncipe, de Curitiba (PR), que atende crianças com câncer de toda a Região Sul.

 

A mesma unidade hospitalar recebeu outros R$ 151 mil destinados pela Portonave por meio da Fundo da Infância e da Adolescência (FIA).

 

Pensar a saúde, a educação, o meio ambiente, a cultura e a leitura é fundamental.

Cristiano Moreira, Contém Cultura.